Dicas para curtir um Natal sem gordofobia

Compartilhe:

Natal e fim de ano traz muitas coisas que esperamos durante os 12 meses, como presentes, viagens e descanso. Porém existe algo que nem sempre é esperado com animação por todos: o convívio com pessoas e situações que evitamos durante o ano. 

Junto com a ceia de Natal é comum ser servida uma dose de gordofobia que vem de membros da família e até de nós mesmos. Ainda que estejamos envoltos por afetividade e este seja um momento de celebração, o preconceito é algo enraizado na sociedade e nenhum de nós está livre de ter nossa aparência, e até nossa capacidade, se tornar alvo de julgamentos. 

Pensando nisso trouxemos 5 dicas para evitar e combater a gordofobia no Natal: 

Não demonize a comida 

Transformar alimentos em vilões, ter medo de comer ou comer demais – nada disso é uma relação boa com a comida. Além disso, uma abordagem extremamente restritiva pode favorecer o surgimento de transtornos alimentares. 

Não faça da dieta uma resolução de ano novo 

A Ansiedade e expectativa geradas por esse tipo de resolução fazem com que a dieta ou a reeducação alimentar se torne em um peso e não uma meta. Se realmente sentir vontade de fazer resoluções, tenha certeza de que elas não vão te aprisionar. 

Não abaixe a cabeça 

Sabemos que é às vezes é difícil continuar curtindo uma festa quando alguém te diz algo inconveniente, mas se você já sabe que estará sujeito a isso, vá preparado/a. Além disso, manter a cabeça erguida é sempre a melhor resposta. 

Seja assertivo e explique sobre o preconceito com paciência e seriedade 

Não vai valer a pena discutir com todo mundo, mas é importante trazer esse debate de forma aberta e honesta com a sua família. Comece aos poucos, busque aliados e lembre-se sempre de quem são as pessoas ao seu redor, de onde elas vêm e quais são suas referências. Preconceitos não nascem aleatoriamente e só espalhando informação podemos realmente combater a gordofobia.

Para quem curtiu o tema e quer se aprofundar sobre a origem desse tipo de preconceito nessa época, sugerimos o e-book “Então é Natal e a gordofobia vem?” criado pela nutricionista Caroline Bartholo e pela psicóloga Laís Oliveira, que fala sobre nossa relação com a comida nas festas e formas sobre como enfrentar comentários e práticas gordofóbicas.

Entre em contato com as autoras para receber gratuitamente sua cópia:

Caroline Bartholo: https://www.instagram.com/nutri.bartholo/
Laís Oliveira: https://www.instagram.com/psicopluslaisoliveira/

Um ótimo Natal e Ano Novo a todo mundo!



Compartilhe: