Loading...

Fotógrafos gordos: inspiração e representatividade

Compartilhe!
2

Ainda que a diversidade de corpos seja pauta cada vez mais presente na mídia, ainda é difícil ver a imagem de corpos gordos sendo representadas além dos estereótipos.  Estamos cercados pela imagem de corpos magros, minuciosamente editados para atender aos já infames padrões estéticos. Às vezes parece que estamos em um padrão involuível, mas na verdade é preciso reconhecer cada passo desse processo para fortalecer o trabalho daquelas pessoas que estão nas trincheiras, agindo para que as mudanças necessárias venham a acontecer. 

É importante que pessoas gordas se vejam representadas de forma mais positiva e real. Para que isso seja possível, é necessário que existam profissionais com um olhar sensível e dedicado para mostrar corpos gordos felizes, desejáveis, ativos e realizados. Por isso modelos plus size são importantes, mas fotógrafos gordos são ainda mais – suas vivências serão essenciais para criar imagens poderosas o suficiente para nos abrir novos caminhos.

No post de hoje vamos apresentar o trabalho de 5 fotógrafos gordos, para nos mantermos motivados e rodeados de inspiração e positividade:

Milena Paulina – Olhar de Paulina 

Milena ficou conhecida pelo já extinto “Eu, gorda”, projeto em que viajava o país fazendo imagens que humanizavam (e empoderavam) mulheres e homens gordos.

instagram.com/olhardepaulina

Bianca Medeiros – Beleza sem padrão  

O trabalho da fotógrafa carioca é focado no empoderamento feminino, em seu trabalho vemos diferentes tipos de corpos, não somente o corpo gordo. E que mostra a história de mulheres com backgrounds diferentes.

instagram.com/belezasempadrao


Shoog McDaniel

Shoog é uma pessoa não-binária que faz cliques explorando os limites do queer e da representação gorda. Sua fotos são cruas e mostram em detalhes as marcas do corpo que muitos evitam expor.

instagram.com/shooglet

Julia Busato 

A fotógrafa canadense ficou conhecida pela série “Mannequins”, que viralizou nas redes sociais em seu lançamento. Seu trabalho é focado na diversidade de corpos e em quebrar padrões.

instagram.com/juliabusatophotography


Jéssica Chamma e Felipe Mariano
 – Projeto Cada Uma

Ao lado de Felipe, que é seu parceiro, Jessica toca o Projeto Cada Uma, que surgiu com o objetivo de criar reflexões sobre padrões estéticos e sobre autonomia sobre o próprio corpo.

https://instagram.com/projetocadauma

Você é ou conhece uma pessoa gorda que registra imagens com esse tipo de olhar? Conta pra gente!